Transa (sacaninha) surpresa

Já imaginou ser surpreendida na cama por um pedido diferente e picante de seu parceiro? Pois é, quatro leitoras deixaram o acanhamento de lado e se entregaram a um sexo ousado e até então inusitado para satisfazer o namorado…   Por Tânia Roiphe Dizem quem em quatro paredes vale tudo alcançar o prazer. O mais difícil de tudo isso [...]
Por Redação

Já imaginou ser surpreendida na cama por um pedido diferente e picante de seu parceiro? Pois é, quatro leitoras deixaram o acanhamento de lado e se entregaram a um sexo ousado e até então inusitado para satisfazer o namorado...
 

Por Tânia Roiphe

Dizem quem em quatro paredes vale tudo alcançar o prazer. O mais difícil de tudo isso é a coragem de colocar em prática tudo que se tem vontade. Quem traz coisas novas para cama na hora do sexo, não se arrepende, já que o orgasmo é quase certo.

 

E os homens adoram revoluções na hora da transa. Se eles tiveram coragem de pedir por que você não pode fazer? Livre-se dos tabus, e surpreenda seu parceiro cumprindo todas as suas vontades. 

Conversamos com quatro leitoras que não tiveram medo de se arriscarem, e chegaram ao prazer total na hora H. Veja as dicas delas:

DE TAPINHAS A MASSAGEM

Depois de passar quase um ano fora do Brasil, voltei com muita saudade do meu namorado. Mal via a hora de encontrá-lo para fazermos amor a noite toda. Quando o tão esperado momento chegou, ele me pediu que lhe desse umas palmadas no bumbum. Na hora achei engraçado e até dei uns tapinhas por brincadeira. Mas depois, para se sentir mais excitado, ele quis que eu batesse cada vez com mais força. Para não frustrá-lo, resolvi atendê-lo, mesmo sem gostar. Com o tempo ele deixou de me pedir isso e fomos substituindo as palmadas por algo muito mais gostoso: massagem tailandesa. Aprendi a fazer só por causa dele. Agora nossas transas começam e terminam com essa prática maravilhosa.

Rachel Maria Fernandes, 29 anos, advogada

 

Para o terapeuta corporal e escritor Sergio Savian (SP), o sadismo reproduz a necessidade de apanhar para sentir algo, pois tem implícita a necessidade do toque. "Mas com certeza a massagem é uma forma muito mais romântica de se tocar e de erotizar o sexo. Ela ajuda a sensibilizar a pele, e você passa a sentir com intensidade o contato", explica o profissional.

 

A Massagem Tailandesa é, sem dúvida, uma prática que excita muito o homem, já que é realizada não só da forma habitual, com as mãos, mas ainda com outras partes do corpo, como seios, bumbum, genitália e pés. Saiba como tirar proveito dessa técnica oriental para aplicar no seu relacionamento também...

Como fazer - Sensibilize o corpo dele com toques suaves de pétalas de flores ou plumas, com as pontas dos dedos até mesmo com a língua. Aos poucos, faça manobras com os seios, massageando os pés do parceiro, ou com os glúteos, explorando as costas, o peito e o abdômen dele. Assim, toda a carga erótica produzida originariamente nos genitais é amplificada para outras áreas do corpo. "A verdade é que a maior parte dos casais se contenta com muito pouco do sexo. E a massagem tailandesa é uma possibilidade fantástica para que os dois soltem mais os movimentos corporais, obtendo maior mobilidade pélvica, ou uma pélvis literalmente sem vergonha", conclui Sergio Savian.

 

VEJA MAIS DICAS DELICIOSAS NA PRÓXIMA PÁGINA