Curada, Preta Gil fala sobre tempo sozinha em quarto de hotel: “Isolamento é social, não é afetivo”

por | mar 31, 2020 | Comportamento

Recentemente, Preta Gil, que contraiu COVID-19, recebeu alta e saiu do isolamento. No dia em que voltou para a casa com o marido, ela fez um agradecimento especial a ele, que mesmo de longe cuidou dela.

Agora, a cantora fez um vídeo pedindo que sejamos solidários com pessoas que conhecemos e estão com coronavírus, já que o apoio e o afeto, mesmo sem ser presencial, ajudam bastante segundo ela.

Preta Gil: como manteve saúde mental durante isolamento

Desde que foi liberada do isolamento após se curar do coronavírus, Preta Gil tem dividido com seus seguidores como foi esse período. Mas desta vez, ela gravou e compartilhou um vídeo falando sobre a importância da solidariedade com o próximo neste momento.

Durante o período que ficou isolada em um quarto de hotel, já que seus sintomas variavam de leves a moderados e neste caso não é indicado ficar no hospital, em alguns momentos teve que cuidar de si sozinha para evitar a transmissão do vírus a outras pessoas.

Diante dessa situação, ela fez um pedido aos seu seguidores: “Você que tem um amigo, um parente, um vizinho, que está com coronavírus, preste sua solidariedade de formas diversas, seja você um vizinho que possa fazer uma comida em casa e deixar na porta do seu vizinho, seja ligando, seja escrevendo um bilhetinho, fazendo com que a pessoa se sinta amada”.

Preta ainda afirmou que “o isolamento é social, mas não é afetivo” e disse que essa falta de carinho e cuidado, mesmo que de longe, pode piorar o quadro de quem tem que ficar isolado da família e dos amigos por causa do vírus.

Ela também contou que durante seu tratamento, recebeu muito afeto, o que ajudou a manter a saúde mental enquanto ela estava sozinha: “tive todo o tipo de amparo dessas camadas todas, afetivas, médica, enfim, estrutural, mas tanta gente não vai ter e a gente tem que descobrir de que forma temos que ajudar”.

A cantora falou ainda sobre as pessoas acharem que, porque estão dentro de casa, não podem ajudar, mas segundo ela, é possível se mobilizar de várias maneira, “seja aderindo vaquinhas, campanhas de doações, enfim, que você confie na internet”.

“A gente sabe que a gente tem que se isolar e isso muita gente está fazendo e é o melhor que a gente pode fazer, mas existem outras formas, sim, de ajudar o próximo mesmo dentro de casa, no isolamento”, disse Preta.

Para finalizar, a cantora reforçou o pedido de ajuda: “Vamos ajudar quem a gente puder, da maneira que a gente puder. A gente só não pode ficar parado dentro de casa sem fazer nada”.

Assista ao vídeo completo:

Coronavírus: como se prevenir