Dor ao amamentar pode ser causada por posição do bebê no colo da mãe; veja como fazer

por | jun 30, 2016 | Gravidez e bebês

Se você sente dor ao dar de mamar para o bebê, é muito provável que ele esteja mal posicionado em seu colo e, por isso, está sugando o leite de forma errada. “Se o jeito de segurar o bebê está inadequado, além de gerar lesões nos seios, pode fazer com que o neném receba menos leite do que precisa”, explica a enfermeira Gabriela Abdala.

Leia também:
Amamentação: 10 mitos e verdade sobre  tema
Amamentação requer cuidados com a saúde da mãe
Prepare o seio para evitar dores e rachaduras ao amamentar

A profissional alerta que, assim que a mãe sentir algum tipo de incômodo ao amamentar, é importante mudar o bebê de posição, de forma que ambos fiquem mais confortáveis.


dor-ao-amamentar-1.jpg

Como segurar o bebê durante a amamentação?

São duas as melhores e mais recomendadas posições para amamentar. A primeira é tradicional, em que a mulher apoia a cabeça da criança na dobra de seu braço e segura o dorso com a mão. Vale ressaltar que, nessa posição, o importante é que a cabeça do bebê fique mais alta do que o bumbum.

A outra posição é a invertida. Nesta, a mãe coloca o bebê colado à lateral do seu próprio corpo, sustentando-o com braço e segura a cabecinha com a mão em direção ao seio. Dessa forma, o corpo da criança fica perpendicular ao da mulher.

O jeito de o bebê pegar a mama é o mesmo nas duas posições, o importante é que a mandíbula e língua dele estejam bem posicionadas. “É na língua que deve estar a maior superfície de aréola para ele poder massagear e extrair o leite”, explica. Dessa maneira, a criança consegue sugar o alimento de forma regular, o que a alimenta completamente, não causa dor à mulher e elimina o risco de deformar ou marcar o mamilo.

Saiba mais sobre as melhores formas de amamentar o bebê e veja qual é importância do ato para a mãe e para a criança: