Sabrina e namorado vão a destino frio ideal para casais fugirem do Verão no Brasil

por | jan 10, 2017 | Mundo

Enquanto muitos famosos estão visitando praias paradisíacas no litoral brasileiro, a apresentadora Sabrina Sato e seu namorado, o ator Duda Nagle, planejaram alguns dias de descanso mais, digamos, gelados. O casal está em uma das cidades turísticas mais famosas do mundo: Nova York, nos Estados Unidos.

Para quem gosta de destinos de frio, agora é a hora perfeita para ir para Nova York: os termômetros registram zero grau e até temperaturas negativas. Ou seja, é preciso levar muitos casacos. Mas, em compensação, a diversão nos passeios na neve nos parques, pistas de patinação no gelo e outros atrativos que só uma cidade com neve pode proporcionar está garantida. 

Outro ponto positivo de se visitar Nova York em janeiro são bilhetes mais baratos para musicais e a semana de descontos de restaurantes, no final do mês. Leia a seguir.

O que fazer em Nova York no inverno

Sabrina Sato e Duda Nagle estão em Nova York e compartilharam algumas fotos da viagem com os seguidores no Instagram.

Em uma das fotos mais curiosas (veja abaixo), o casal aparece com casacos pesados e óculos espelhados que parecem ser protetores para prática de algum esporte na neve.

Aliás, um dos atrativos mais famosos de Nova York no inverno é patinar do gelo. O local mais concorrido é a pista do Rockfeller Center. O turista pode até reservar os patins e a entrada antecipadamente, pelo site.

Curtir o Central Park coberto de neve também está na lista “o que fazer em Nova York” da maioria dos viajantes; além de, claro, visitar lojas e restaurantes de rua para observar a neve bem de pertinho. 

Se você estiver em uma viagem romântica, vale ainda visitar o Empire State, para ver a cidade de cima. Para ficar em um ambiente fechado e se proteger do frio, aposte em um roteiro com museus e galerias, como o MoMa (Museu de Arte Moderna).  

Calendário de eventos

Ir bem preparado para o frio na rua é um dos requisitos básicos para passar o inverno em Nova York, já que os eventos culturais e gastronômicos da cidade são sempre bem interessantes. Dica: visite o site Time Out para saber a programação do dia, da semana e do mês.

Promoções

Ir à cidade em janeiro também tem duas vantagens para o bolso: é neste mês que acontecem o Broadway Week (você paga uma entrada em musical e leva duas, a partir de 17 de janeiro) e o NYC Restaurante Week, a partir de 23 de janeiro, com preços fixos de almoços e jantares em restaurantes reconhecidos. 

Hospedagem

A hospedagem em Nova York não é considerada barata. Mas, de maneira geral, em janeiro as tarifas costumam estar mais baixas, pelo fato de a cidade estar mais vazia.

Pesquisar o bairro que você pretende se hospedar pode ser uma vantagem econômica. De acordo com o site Melhores Destinos, a estimativa de custo da diária para hospedagem “sem luxo” na cidade é de 200 dólares por casal (cerca de R$ 600).

O que comer

Em uma viagem a dois, jantar em um restaurante romântico pode ser uma boa pedida. A vantagem é que a cidade conta com culinária de todos os lugares do mundo, desde opções de fast food a pratos elaborados. Se você for entre o final de janeiro e começo de fevereiro, poderá aproveitar a Restaurant Week, como explicamos acima. 

Sabrina e Duda Nagle estiveram no II Buco, de cozinha italiana e mediterrânea, que tem pratos com valores entre R$132 e R$258, segundo o site TripAdvisor.

Hora de viajar