Qual a quantidade ideal de flúor em cada fase da vida da criança? Descubra

por | ago 18, 2016 | Gravidez e bebês

Tanto os pais de primeira viagem quanto os já experientes na aventura de criar filhos têm suas dúvidas quando o assunto é a higiene dos pequenos. Como fazer? Quando começar? Qual a maneira correta de higienizar a boca em cada etapa da infância? É seguro usar flúor?

Para esclarecer como os pais devem cuidar da saúde bucal dos filhos pequenos, a odontopediatra Alessandra Souza ensina como fazer a escovação usando flúor da forma mais adequada, em cada fase da infância.

Como escovar os dentes da criança com flúor?

Antigamente, o uso do flúor era contraindicado por não haver evidências cientificas de que ele não traria malefícios gástricos à criança. Outro motivo era evitar fluorose, que é uma alteração no esmalte e dentina, que ocorre devido ao excesso de ingestão de flúor durante a formação dos dentes. A fluorose provoca manchas e, nos casos mais graves, até perda de estrutura dental.

Porém, de acordo com a especialista, hoje vários estudos científicos contradizem a suspeita e recomendam seu uso. “A Associação Brasileira de Odontopediatria e a Associação Americana de Pediatria, por exemplo, indicam o flúor desde os primeiros dentinhos do bebê, chamando a atenção para que os pais usem somente a quantidade indicada para cada idade”, explica Alessandra.

shutterstock

Quantidade ideal para cada idade

De 0 a 3 anos, a quantidade de pasta deve ser equivalente a 1/2 grão de arroz cru (0,05 gramas), de 3 a 7 anos é o equivalente a um grão de arroz cru (0,1 grama) e,  acima de 7 anos, um grão de ervilha (0,3 gramas).

Segundo a dentista, depois desta idade, os pais já podem utilizar os cremes dentais de adultos. Além da pasta de dente utilizada apropriada para cada fase, alguns outros cuidados devem ser observados na escovação infantil. O ideal é que os usar escovas que tenham cabeça pequena e cerdas bem macias.

Para a odontopediatra, os pais devem escovar os dentes dos filhos até os oito anos de idade. “E é importante ficar de olho até passar aquela famosa fase da pré-adolescência, em que a criança não quer tomar banho e nem escovar os dentes”, finaliza.

Anote: 5 dicas para ter dentes brancos e bem cuidados