null: nullpx
príncipe charles-Mulher

Charles assume discurso da Rainha no Parlamento: reinado de Elizabeth II estaria perto do fim?

Essa é a primeira vez em 59 anos que a monarca não preside o evento oficial.
Publicado 10 Mai 2022 – 02:26 PM EDT | Atualizado 10 Mai 2022 – 02:26 PM EDT
Reações
Compartilhar
Príncipe Charles ao lado da Coroa Imperial, simbolizando a presença da Rainha Elizabeth II. Crédito: Alastair Grant - WPA Pool/Getty Images

O Príncipe Charles leu o discurso da Rainha Elizabeth II na abertura oficial do parlamento no Palácio de Westminster, nesta terça-feira (10). A grande novidade é que, pela primeira vez em 59 anos, a monarca não presidiu a cerimônia, devido a "problemas de mobilidade".

A situação pode sinalizar, segundo estudiosos da Família Real, uma transição suave de obrigações até a efetiva sucessão de Charles como novo rei da Inglaterra. No entanto, a possível "aposentadoria" da rainha ainda não passa de especulação.

Charles preside cerimônia anual no lugar da Rainha


Pela primeira vez em 59 anos, a chefe de Estado do Reino Unido deixou a cerimônia de abertura do parlamento britânico para seu herdeiro, o príncipe Charles. O príncipe de Gales compareceu ao evento acompanhado de seu primogênito, o príncipe William, que é o segundo na linha de sucessão ao trono britânico.

A monarca costumava presidir o evento lendo o programa legislativo de seu governo do trono dourado que ocupa na Câmara dos Lordes. No entanto, aos 96 anos, Elizabeth cedeu seu espaço no rito anual para Charles.

O Palácio de Buckingham anunciou na segunda (9) que a Rainha tomou essa decisão "com relutância", após receber aconselhamento médico sobre suas restrições de mobilidade.

O discurso, escrito por ministros e lido pelo príncipe, define a agenda de governo, as leis que pretendem ser apresentadas e destaca as prioridades do governo para os próximos meses.

Afastamento da Rainha Elizabeth II pode ser iminente


O distanciamento da rainha de compromissos públicos pode sinalizar que o fim de seu reinado estaria cada vez mais próximo.

Elizabeth II foi hospitalizada por uma noite em outubro de 2021 por motivos não especificados. Desde então, ela tem perdido alguns compromissos oficiais, que através de uma "Carta de Patente", foram transferidos a Charles e William, para que pudessem desempenhar o papel da coroa em evento constitucionais.

A abertura do parlamento é uma das funções mais importantes da rainha, que só perdeu a ocasião duas vezes: em 1959 e 1963, quando estava grávida, respectivamente, dos filhos Andrew e Edward.

No entanto, mesmo presidida pelos príncipes, a cerimônia foi reestruturada para assegurar que a rainha ainda estivesse "no comando", segundo análise dos especialistas em família real da revista Hello!. Por isso, a Coroa Imperial foi posicionada no trono ao lado de Charles na ausência da monarca, simbolizando sua presença.

Especula-se que a rainha deixará oficialmente o serviço após as comemorações do jubileu de platina, o marco de seus 70 anos de reinado. O evento já tem celebrações agendadas e contará com a presença de todos os membros oficiais da realeza.

Família Real Britânica

Reações
Compartilhar

Mais conteúdo de interesse