null: nullpx
sutiã-Mulher

Ana Paula Padrão diz que não usa sutiã por obrigação e reflete: "Isso eu já ultrapassei"

Jornalista fala sobre quebra de tabus e padrões de comportamento
Publicado 21 Dez 2021 – 03:49 PM EST | Atualizado 1 Abr 2022 – 03:19 PM EDT
Reações
Compartilhar

Na última segunda-feira (20), Ana Paula Padrão participou do programa "Fala Celio", apresentado por Celio Ashcar, e afirmou que quase não usa mais sutiã em seu cotidiano, também para livrar-se de padrões que aprisionam as mulheres.

Aos 56 anos, ela diz não sentir mais medo de ser vista como alguém "menos recatada", pois nunca encontrou um modelo que a deixasse totalmente confortável.

Ana Paula Padrão fala de sutiã

Durante o bate-papo, o apresentador questionou Ana Paula se ela se recordava de alguma publicidade do passado, que teria ficado em sua lembrança. A jornalista, então, citou o comercial "Meu Primeiro Sutiã", de Washington Olivetto, estrelado por Patrícia Lucchesi.

A propaganda premiada retratava aquele momento na vida de toda menina, quando está entrando na puberdade, e inicia a busca pelo primeiro sutiã. Ana Paula falou sobre a sensibilidade do tema.

"É uma fase das meninas, em que elas estão mudando em tudo [...] E a gente começa a ser olhada de uma outra maneira e começa a se preocupar em esconder algumas partes do corpo. O sutiã era uma âncora muito importante", refletiu a jornalista.

Logo em seguida, Ana Paula reforçou que, atualmente, o mundo está diferente e as pressões são outras, afirmando que não se sente obrigada a usar a peça íntima.

"Usei sutiã décadas da minha vida, hoje uso muito menos, porque eu cansei. Acho que nunca encontrei um sutiã 100% confortável [...] Mas por causa da obrigação de usar um sutiã para parecer uma pessoa mais ou menos recatada... isso eu já ultrapassei", explicou.

Agora ela só usa quando é parte da roupa, tendo brilho, renda ou cor, mas sem imposições.

Ela, que costuma inspirar mulheres maduras pelo seu perfil no Instagram, com diversas reflexões, ainda contou que o isolamento social ajudou na decisão.

"Depois dessa pandemia, então, que a gente não saia de casa, eu até perdi os meus, só tenho alguns", finalizou.

Mulheres inspiradoras

Reações
Compartilhar

Mais conteúdo de interesse