Café na gravidez pode? Deixa o bebê agitado?

por | jun 30, 2016 | Gravidez e bebês

Durante a gravidez as futuras mamães precisam estar atentas à alimentação para que a  saúde do bebê não seja prejudicada. Por isso, alguns itens antes indispensáveis no dia a dia vão terão que ser evitados ou, pelo menos, ter seu consumo reduzido. É o caso do café ou alimentos com cafeína, como guaraná, chás, chocolates, refrigerantes à base de cola e em alguns medicamentos como analgésicos, antigripais e inibidores de apetite. 

Leia também:
Consumir café pode trazer riscos à gestação?
O que é realmente perigoso para o bebê durante a gravidez?
Chocolate faz bebê se mexer? Ultrassom transvaginal é perigoso? Veja mitos e verdades

Um dos principais motivos pelos quais deve-se evitar  tomar muito café na gravidez é porque a bebida pode estimular o feto. “O café aumenta o nível de estimulantes no sangue e isso pode deixar o bebê mais agitado”, explica a ginecologista e obstetra Marcia da Cunha dos Reis, coordenadora da Maternidade do Hospital de Clínicas Padre Miguel (HCPM), Zona Oeste do Rio de Janeiro.

Grávida pode tomar café?

Se a gestante não conseguir abrir mão do cafezinho, a recomendação da médica é ingerir com moderação. “No máximo de duas a três xícaras por dia”, diz.

Segundo ela, o excesso pode causar  restrição no crescimento fetal, prematuridade e danos ao sistema nervoso central do feto.

Além do café, a médica explica ainda se alguns outros alimentos, como pimenta, adoçante, camarão e frutos do mar  podem ser consumidos durante a gravidez.