Roacutan realmente acaba com espinhas? Quem pode tomar? Médico responde tudo

por | dez 2, 2018 | Beleza

A acne é um problema que atinge grande parte das pessoas, seja na época da adolescência ou mesmo na fase adulta. Além de deixar um aspecto feio na pele, espinhas inflamadas costumam ser bastante dolorosas e desconfortáveis.

Existem diversas formas para tratar acne, desde cuidados caseiros até pelo uso de remédios. Um dos remédios mais famosos pra esse tratamento é o Roacutan, porém é preciso tomar conhecimento de algumas coisas antes de toma-lo, já que é um remédio muito forte e nem todo mundo pode consumi-lo.

Roacutan: para que serve?

O dermatologista Dr. Lucas Fustinoni explica em seu canal no Youtube que o Roacutan é o nome conhecido e comercial da isotretinoína, um composto derivado da vitamina A, que tem como principal indicação o tratamento de acne tanto na adolescência quanto na vida adulta. Ele age sobre as glândulas sebáceas, reduzindo a produção de sebo e, consequentemente, a oleosidade da pele. Além disso, possui ação anti-inflamatória, que age nas lesões melhorando o aspecto das espinhas.

Quando usar?

Por ser um remédio muito forte que pode desembocar em muitas reações adversas e efeitos colaterais, o Roacutan só pode ser tomado com receita dada pelo dermatologista, após uma avaliação de real necessidade do seu uso. Além disso, é preciso que a pessoa realize uma séries de exames para medir colesterol, triglicérides, TGO, TGP, Gama-GT, fosfatase alcalina, coagulograma, glicemia, ureia e creatinina, que avaliam as condições do fígado, rins e outros órgãos.

Quem pode tomar?

O Roacutan pode ser usado por pacientes maiores de 12 anos, com diferentes graus de acne, e por pessoas que sofrem de rosácea e foliculite, de acordo com o médico. A análise de quem vai poder realmente usá-lo é feita pelo dermatologista.

Os efeitos colaterais mais comuns do uso do Roacutan são: ressecamento excessivo da pele, que pode provocar inflamações, conjuntivite, descamação e aparência avermelhada da cútis, além de sangramento na mucosa nasal. O paciente ainda pode apresentar, com menor frequência, dores de cabeça e musculares, alterações de humor, diarreia e queda de cabelo.

Quem não pode tomar?

  • Gestantes e lactantes
  • Mulheres que planejam engravidar
  • Pessoas que têm níveis altos de triglicérides e colesterol
  • Pessoas com histórico de depressão
  • Pessoas com problemas no fígado
  • Pessoas com alergia à soja (Roacutan contém derivados do alimento)
  • Pessoas com hipervitaminose A

Cuidados com a pele