Pato mais bonito do mundo é monogâmico e se tornou símbolo de amor e fidelidade

por | set 2, 2020 | Mundo

Dono de uma exuberante e inconfundível plumagem multicolorida, o pato-mandarim é popularmente conhecido como “o pato mais bonito do mundo” e o título recebido se torna bastante óbvio quando olhamos uma simples foto da espécie.

Não parece uma pintura?

De médio porte, o pato-mandarim (ou marreco-mandarim) mede de 41 a 49 cm de comprimento, com uma envergadura de 65 a 75 cm. E o que mais chama a atenção na espécie são suas características físicas, do bico às penas.

Plumas coloridas do pato-mandarim

Assim como acontece com outras espécies de animais, apenas o macho possui plumagem colorida. Esse “charme” especial é usado para atrair as fêmeas.

O pato-mandarim macho possui bico vermelho, faixas brancas acima dos olhos, face avermelhada e peito roxo com duas faixas verticais, e laterais alaranjadas. A ave é uma verdadeira obra de arte da natureza.

Onde vive o pato-mandarim

O pato-mandarim tem origem asiática, podendo ser mais facilmente encontrado em regiões da China, Rússia e Japão, mas também é visto em alguns outros países.

No meio selvagem, vivem em locais arborizados próximos de lagos, pântanos e lagoas. Após o acasalamento, durante a primavera, as fêmeas colocam seus ovos em cavidades de árvores que ficam próximas da água.

Pato-mandarim é símbolo de fidelidade

Culturalmente, especialmente na China, o pato-mandarim aparece como símbolo de fidelidade conjugal. Isso porque, após o acasalamento, os casais são mantidos para o resto da vida.

Ao contrário de outras espécies de patos, o pato-mandarim macho fica para sempre ao lado da fêmea com a qual acasalou. Ele espera os filhotes nascerem e ainda auxiliam a mamãe no cuidado com os filhotes.

Animais diferentes que você não conhecia