null: nullpx
comportamento-Mulher

Técnica dos Sete Anões promete dissolver a raiva antes de você explodir em algum conflito

Querer "lavar roupa suja" na hora da raiva é comum, mas a atitude impede uma comunicação assertiva para a resolução de problemas.
Publicado 4 Mai 2022 – 05:27 PM EDT | Atualizado 4 Mai 2022 – 05:28 PM EDT
Reações
Compartilhar
Da esquerda para a direita: Atchim, Feliz, Soneca, Mestre, Dengoso, Zangado e Dunga. Crédito: Reprodução/IMDB

Ainda que a raiva seja uma emoção natural, vivenciá-la com muita intensidade traz prejuízos para todos: para quem está ao redor e, especialmente, para quem sente na própria pele o sentimento.

Sendo assim, conhecer métodos capazes de amenizar a sensação e a duração da raiva podem ajudar na hora da crise. Uma forma de desviar o foco da irritabilidade e se acalmar imediatamente é conhecida como Técnica dos Sete Anões.

O que fazer para acalmar a raiva?


Segundo Shana Wajntraub, psicóloga e especialista em Gestão de Pessoas, a falta de hábitos que envolvem exercícios físicos, sono em dia e uma alimentação saudável interfere diretamente no estado emocional e na comunicação das pessoas, podendo deixá-las com as emoções à flor da pele.

Diante de uma situação incômoda, ela orienta seguir alguns passos.

"Questione a sua interpretação a respeito da situação ou pessoa envolvida, trocando julgamento por curiosidade. Depois, espere alguns segundos e respire lentamente", afirma Shana.


Os seres humanos levam cerca de 0,5 segundo para notar que sentem raiva. A partir disso, a dica é se concentrar para lembrar os nomes dos "Sete Anões", da famosa história de "A Branca de Neve", para uma oportunidade de reavaliação cognitiva do contexto.

"O cérebro vai se ocupar com o conteúdo e tirará o foco do que gerou a raiva. Ainda que, por um instante, isso faz com que você não seja dominada completamente pela emoção", explica.

Aqui vai uma cola para quem está precisando de ajuda agora mesmo: Mestre, Dengoso, Soneca, Feliz, Atchim, Dunga e, claro, Zangado (do jeito que você não quer estar!).

Comportamento

Reações
Compartilhar

Mais conteúdo de interesse